junho 17, 2007

Jovens conservadores?

Essa semana eu estava lendo alguns artigos sobre comportamento jovem no WGSN (Portal de tendências londrino), e me dei conta de que o comportamento jovem muda muito rápido.

Nesses relatórios, eles chamavam essa nova geração de "Mileniuns" - nascidos entre 1980 e 2000. O grande diferencial desse grupo: é legal ser "quadrado". Isto é, existe um resgate pelos valores mais antigos, certinhos.

Não são caretas, eles simplesmente:

Não querem usar drogras (ilícitas ou não);
Se casam cedo (e com grandes cerimônias tradicionais);
Valorizam muito o estudo, e querem entrar nas melhores vagas das melhores universidades;
Se preocupam com a comunidade, com o todo, e não apenas com o próprio umbigo;
São mais positivos, do que angustiados;
Se preocupam mais com questões políticas, do que culturais;
Para essa geração será atual quem for “quadrado”, conservador;
Ao invés de se rebelar contra autoridade, a maioria dos mileniuns gostam dela. A diferença entre as atitudes dos pais e dos seus filhos ficará ainda mais estreita.


Se tudo isso pode ser aplicado no Brasil, eu não sei. Mas como faço parte dessa faixa etária, tenho que concordar que alguns valores realmente têm retornado. Percebo isso, por amigos que não bebem e odeiam cigarro (ou qq outra droga) mais do que tudo nessa vida. E ainda participei de 3 grandes casamentos tradicionais.

Acho que a grande diferença é que o jovem está mais seguro de si. Não é o fato de usar ou fazer coisas mais "malucas". Na verdade, hoje tudo é mais permissivo. Ele pode e consegue experimentar de tudo, e agora opta pelo que o agrada ou não.

Em um grande leque de possibilidades, não querer nada disso também é uma opção. A mudança está no coceito, no porquê, no processo.

Se antes o jovem era "inconseqüente", porque precisava provar sua identidade, hoje ele pode ser o que quiser. Sem provar nada pra ninguém.

3 comentários:

rodrigolink disse...

uhuuu!!! eu sou square!!! eu tou na moda?!?!??

Carlinha Link disse...

Sim!!
Vc foi mto referência nesse trabalho!!! hihihi

Eddy 18 disse...

Perfeito Carlinha!
Estou fazendo uma breve pesquisa e li agora a pouco um outro blog de uma jovem que critica esses tipo de jovens e questiona se são jovens mesmo.
Concordo com você e descordo infinitamente dela.
Abraços