janeiro 28, 2007

Do we have a Second Life?

Acho impressionante como o Second Life tem se tornado cada vez mais popular. Na verdade eu tenho um pouco de medo quando penso no futuro.
O mundo virtual tem crescido, não há dúvidas. Desde os primórdios chats, passando pelo icq, msn, orkut, blogs, flogs, podcasts, etc. Existe todo um desenvolvimento virtual, onde as pessoas podem criar novas personalidades, ou participar das mais diversas comunidades. Por outro lado, a pessoa que assiste a tudo isso não é passiva, ela tem o poder de crer ou não naquilo que vê. Além da tecnologia, se desenvolveu a crítica.
Mas quando é criado um verdadeiro mundo paralelo - o Second Life. Eu fico um pouco na dúvida até onde as pessoas acreditam que é apenas um mundo virtual. A cada dia novas empresas, associações, instituições e celebridades têm investido no Second Life. Cerca de mil brasileiros passaram a virada do ano em uma festa patrocinada pela Philips, e idealizada pela DM9DDB (Segundo noticia do Portal da Propaganda). O "carnalife" - o carnaval do Second Life - já conta com um trio elétrico da Banda Eva. Há cada semana há novas matérias no Portal de tendências londrino WGSN. Já existe até a primeira milionária do Second Life.
Até que ponto esse mundo virtual é mesmo de "faz de conta"? Como isso será digerido pelas próximas gerações? O que mais está por vir?
Eu não sei responder, ainda não. Mas confesso que tenho um pouco de medo. Por enquanto, eu vou aderindo ao movimento do "Get a First Life"! Antes de cair totalmente para o mundo virtual, quero sim viver ainda muitas coisas reais.

3 comentários:

msmidia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
msmidia disse...

Muito bom texto, e com boas perguntas... Sabe, acho queo Second Life já é uma realidade, à sério, porque as coisas se tornam reais na mente da gente, elas não são reais por si só. O futebol, por exemplo, era pra ser... um jogo. E virou um negócio de milhões, uma forma de eleger políticos. E assim encontraríamos outros exemplos, acho que a própria literatura é um mundo paralelo ao "mundo real", que nada mais seria do a soma de todos os mundos visíveis e invisíveis.

Marcelo Spalding

Carlinha Link disse...

Marcelo,
mto legal vc estar dando uma passadinha pelo meu blog... eu ando deixando ele meio abandonado... tenho q escrever mais!! mas comenta sempre!!
Agora, tens razão quanto aos livros, é um mundo paralelo... mas acredito q o Second Life tem tornado isso ainda mais maluco.. para vc ter noção, já existe até os terroristas e homens bombas no Second Life... A galera ta criando verdadeiras personalidades, e o pior.. sem o conteúdo dos livros :(.

bj